Redator

Detalhes do autor

Data de registro: 26 de agosto de 2014

Últimos Posts

  1. Batcavernas Neotropicais — 23 de junho de 2017
  2. JACARETINGA ­- seriam realmente importantes? — 23 de junho de 2017
  3. Ema, a maior ave brasileira – biologia e conservação — 23 de junho de 2017
  4. Cutia, um roedor lucrativo! — 23 de junho de 2017
  5. BIODIVERSIDADE: … o que é mesmo?! — 23 de junho de 2017

Listas de posts do autor

jun 23

Batcavernas Neotropicais

Como todos nós sabemos muito bem, a batcaverna é o lugar preferido do Batman, assim como a Fortaleza da Solidão é para o Super-Homem. Na batcaverna, o homem-morcego pode bolar tranquilamente seus diversos planos sobre como salvar Gotham do mal, sem que o Alfred venha lhe incomodar, mandando-lhe arrumar a cama. Mas já imaginou se …

Continue lendo »

jun 23

JACARETINGA ­- seriam realmente importantes?

O Caiman crocodilus da família Alligatoridae, conhecido popularmente por jacaretinga ou jacaré-­de-­óculos, é encontrado desde o sul do México até o noroeste da América do Sul. É o mais comum dentre os crocodilianos brasileiros, sendo estimado mais de um milhão de animais, apesar de algumas populações terem sido reduzidas. O jacaretinga é um réptil carnívoro …

Continue lendo »

jun 23

Ema, a maior ave brasileira – biologia e conservação

Rhea americana americana (Linnaeus, 1758), pertence à classe das Aves, Reino Animalia, e é também conhecida como “ema congo”; “nhandu”, “ñandú“ (que significa “a corredora” em guarani). Esta espécie é considerada a maior ave do Brasil. Em terra é a ave mais veloz das Américas perdendo apenas para o avestruz africano. No livro vermelho são …

Continue lendo »

jun 23

Cutia, um roedor lucrativo!

A cutia, pertencente ao gênero Dasyprocta, é um mamífero de pequeno porte, medindo entre 50 a 60cm, e pesando entre 1 a 3 kg, contendo uma cauda rudimentar. Sua coloração geralmente é marrom-avermelhada, sendo o lado ventral mais claro. Apresenta membros dianteiros curtos, de modo que auxiliam na alimentação; cinco dedos onde os posteriores são …

Continue lendo »

jun 23

BIODIVERSIDADE: … o que é mesmo?!

Muitos já ouviram falar, mas poucos sabem realmente o que é biodiversidade. É o que confirma um estudo feito pela União para o BioComércio Ético (UEBT), a qual ouviu pessoas de 16 países, inclusive o Brasil. Os resultados demonstraram que, pelo menos em nosso país, menos da metade dos entrevistados sabem explicar o que significa …

Continue lendo »

jun 23

Por que a soneca do despertador é de 9 minutos?

Por que o período de “soneca” (Snooze) do meu telefone é de 9 minutos. Por que não 10 minutos? Ou 5? Ou 7? O mais engraçado é que o período de 9 minutos é muito comum entre os alarmes. Será que isso tem uma causa fisiológica? Ou psicológica? Ou cultural? Será que os alarmes têm …

Continue lendo »

jun 23

Dormir para Lembrar!

Estudos de neurociência afirmam: tirar uma soneca após a aula pode ajudar a fixar na memória o conteúdo aprendido! Pesquisadores da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) fizeram a pesquisa com cerca de 580 alunos de sete escolas de Natal, RN, cujo o objetivo era avaliar o que era registrado na mente dos …

Continue lendo »

jun 23

O Pinguim de Magalhães.

Muitas vezes, vemos na televisão, uma notícia sobre algum pinguim perdido que aparece na costa sul do Brasil. Cansados de tanto nadar, chegam fracos e com fome, praticamente sem esperanças. Estes pinguins (que nunca chegarão ao Alto Paranaíba, porque não vivem em nossa região) veem de lugares longínquos, de paisagens de gelo e neve. Veem …

Continue lendo »

jun 23

Etnobotânica: o resgate do conhecimento popular sobre as plantas?

Com o avanço da ciência e da tecnologia e um mundo cada vez mais globalizado, as relações e o convívio entre os jovens e os mais velhos têm se estreitado. Além disso, todo conhecimento considerado popular e que não tenha caráter científico, muitas das vezes é tido como antiquado e depreciativo. Desta forma, se faz …

Continue lendo »

jun 19

Parque Estadual do Pau Furado: conservando “bens” naturais

Todos sabemos a grande importância da criação de Unidades de Conservação: preservação da riqueza da biodiversidade, argumento já suficiente. De acordo com o site da Secretaria do Meio Ambiente, Unidades de conservação são definidas como um espaço territorial com características naturais de relevância ecológica e limites bem definidos, e tem como principal objetivo garantir a …

Continue lendo »

Posts mais antigos «